17.2.2016

Papa critica tentativa de uniformizar cultura e reitera que família é essencial

Papa critica tentativa de uniformizar cultura e reitera que família é essencial

«Muitas vezes, de forma sistemática e estrutural, os vossos povos acabaram incompreendidos e excluídos da sociedade. Alguns consideram inferiores os vossos valores, a vossa cultura e as vossas tradições. Outros, fascinados pelo poder, o dinheiro e as leis do mercado, espoliaram-vos das vossas terras ou realizaram empreendimentos que as contaminaram. Que tristeza! Como nos seria útil a todos fazer um exame de consciência e aprender a pedir perdão! Perdão, irmãos!»

 

Sínodo dos bispos sobre a família: «Um passo novo»

Sínodo dos bispos sobre a família: «Um passo novo»

«O sínodo ordinário [realizado em 2015] pôs então as bases, abrindo uma porta que no sínodo anterior [outubro de 2014] tinha permanecido fechada. Mais, há um ano não tinha sido possível sequer certificar por maioria qualificada o que tinha sido debatido sobre o tema, o que tinha efetivamente acontecido. Portanto, pode falar-se de um passo novo». «A coisa mais importante deste sínodo, de facto, foi a imagem de uma Igreja que se aproxima da realidade para olhá-la de frente, para ver as pessoas com as suas histórias concretas. A Igreja não pretende “julgar” antes de “ver” e tocar a vida dos seus filhos com uma mão capaz de acompanhar e curar.»

 

Agenda para hoje

Agenda para hoje


Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura | Secretariado Nacional dos Bens Culturais | Secretariado Nacional das Comunicações Sociais
Anúncios