7.11.2015

Família e misericórdia: As obras de misericórdia como atos criadores da família

Família e misericórdia: As obras de misericórdia como atos criadores da família

A família replica o ato criador de Deus, que não é um ato físico, embora instaure a física, mas um ato espiritual, precisamente o ato do dom de misericórdia mais grandioso que existe e que realiza a transformação do nada de nós no tudo da nossa possibilidade através do amor criador. A família prolonga esta capacidade criadora, prolongando também essa outra forma de misericórdia que é a providência divina, na forma da humana dedicação amorosa, previdente e providente, possibilitadora da manutenção terrena do ser humano na existência. É um bem-agir que corresponde à operação ativa de um bem-querer, que é um querer que o outro seja e seja bem.

 

Santuário de Fátima lança prémio de fotografia sobre aparições

Santuário de Fátima lança prémio de fotografia sobre aparições

«A iniciativa evidencia a convicção do Santuário de Fátima de que a arte fotográfica constituirá, concretamente por meio deste Prémio, um privilegiado e relevante contributo para uma fecunda hermenêutica de Fátima – semântica, artística e contemporaneamente significativa –, bem como um instrumento particularmente propício para a vivência e o assinalamento daquela singular celebração que, desde 2010 e ao longo de um festivo septenário, tem vindo a adensar-se.» O concurso vai premiar com 1 000 euros os vencedores de cada uma das secções: “Retrato Humano”, “Paisagem”, “Espiritualidade e Mensagem: práticas e ritualidade” e “Fotonarrativa”.

 

Papa lamenta padres e bispos «agarrados ao dinheiro» que «em vez de servir» se servem da Igreja

Papa lamenta padres e bispos «agarrados ao dinheiro» que «em vez de servir» se servem da Igreja

«Quanta alegria eu tenho, que me comove, quando nesta missa vêm alguns padres e me dizem: “Vim aqui para reencontrar os meus familiares, porque há 40 anos sou missionário na Amazónia”; ou uma irmã que diz: “Eu trabalho há 30 anos num hospital em África”. Ou quando encontro a irmãzinha que há 30, 40 anos está num hospital com os deficientes, sempre sorridente. Isto chama-se servir. Esta é a alegria da Igreja: ir além e dar a vida.»

 

Agenda para hoje

Agenda para hoje


Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura | Secretariado Nacional dos Bens Culturais | Secretariado Nacional das Comunicações Sociais
Anúncios