1.10.2015

Arte e cultura «devem fazer parte de um bom caminho pastoral profundo e clarividente»

Arte e cultura «devem fazer parte de um bom caminho pastoral profundo e clarividente»

O projeto, dedicado este ano ao tema “Um novo humanismo de misericórdia”, abriu as igrejas do centro histórico «para as dar a conhecer cada vez melhor e permitir a fruição de eventos artísticos e culturais que alimentam (…) o espírito».

 

S. Jerónimo: Especialista da Bíblia atento à riqueza das culturas

S. Jerónimo: Especialista da Bíblia atento à riqueza das culturas

Um fino estudioso de carácter decidido, sempre pronto a ler a realidade através da Palavra e a entrar em profundidade nas Escrituras. Jerónimo, com a ajuda de outros colaboradores, legou-nos a tradução da Bíblia chamada “Vulgata”, o texto “oficial” da Igreja latina.

 

Eleições: Escutar o silêncio

Eleições: Escutar o silêncio

Para algo sério como escolher os nossos representantes na política (…) faz-se necessário alternar. Mover-se entre a escuta das vozes diversas que lançam informações de todo tipo na rede e nas ruas, e ouvir em silêncio o que nos é inspirado na direção do voto. O que significa para mim o ato de votar? O que estou a buscar construir com meu voto?

 

O cérebro desligado

O cérebro desligado

«Os falsos profetas? São aqueles que escrevem belas pregações» (Franco Fortini); «Antes de falar, é preciso ter a certeza de que o cérebro está ligado» (anónimo contemporâneo). Eis duas citações muito diferentes entre si, seja pela génese seja pela finalidade. Em comum têm uma realidade fundamental: a palavra.

 

O brilho dos vitrais da Sainte-Chapelle | IMAGENS + VÍDEO |

O brilho dos vitrais da Sainte-Chapelle

Obra-prima do gótico flamejante, foi edificada em 1242 e 1248, por S. Luís, no coração do palácio da ilha “de la Cité”. O monarca fez construir um monumento que associava de maneira emblemática o poder da sua dinastia e a missão terrestre de rei cristão. Por isso a Sainte-Chapelle devia tornar-se um relicário excecional, a expressão perfeita da elevação da alma.

 

Fotografia: Aldo Soligno e os rostos ocultos | IMAGENS |

Fotografia: Aldo Soligno e os rostos ocultos

As suas imagens são um poderoso ato de acusação contra a política discriminatória do regime ugandês, e ao mesmo tempo tornam-se símbolo de todas aquelas situações políticas e sociais que impedem as pessoas de se mostrarem como são. Falam-nos, com efeito, de todas aquelas condições de constrição que levam a esconder “diversidade”, medo e sofrimento por trás de máscaras socialmente “vencedoras”.

 

Cinema: “Perdido em Marte” | VÍDEO |

Cinema:

A partir do sucesso de vendas do livro de Andy Weir, o realizador entoa um hino ao género humano, ao seu engenho extraordinário, à sua obstinada vontade de viver, à sua coragem, à sua capacidade de combater e vencer batalhas aparentemente impossíveis. Nenhum dos seus filmes até agora tinha apresentado uma mensagem de esperança tão forte e clara.

 

Aviso: Até novembro, as novidades da página do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura serão publicadas sem a habitual regularidade (quase) diária. Pedimos e agradecemos a sua compreensão.


Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura | Secretariado Nacional dos Bens Culturais | Secretariado Nacional das Comunicações Sociais

 

Anúncios