É novo » 1.10.2014

Paul Klee e a ordem intuitiva | IMAGENS | 
As obras de Klee afirmam-se através de uma “graça infinita”, cuja proveniência não pode ser compreendida, nem mecanizada e geralmente é assumida numa esfera transcendente – esta graça é a medida e a regra para a aplicação das leis que organizam a arte. E por isso, para Paul Klee, a arte ao ser engrandecida por uma subjetiva disposição interna transcende qualquer tipo de ordem.

O Evangelho das imagens
Quem olha para trás não serve para o reino de Deus.

Música e religião
O que nos interessa apenas é frisar que a música religiosa deve começar por conseguir o mais perfeito dos estados físicos propício à comunicação com Deus, em seu louvor, ou em oração impetrativa. Por isso também não confundamos o real sentido da música com a forma de expressão resultante do temperamento e da originalidade do autor ou, menos ainda, com formalismos que podem ser epocais, regionais ou modismos.

Quando chega o desespero, não percas a esperança: confia, reza com as palavras do teu coração
Diante do sofrimento intenso na dor e prolongado no tempo, que atinge igualmente quem tem e quem não tem fé, é preciso continuar a confiar, como Job, figura bíblica do Antigo Testamento, e como o próprio Jesus, dizendo a Deus as palavras que brotam do coração, mesmo que sejam duras e de revolta, afirmou hoje o papa.

Bíblia é para ser lida e entendida, sublinha papa, que elogia aliança entre católicos e evangélicos
Francisco expressou o desejo de que «todos os cristãos possam aprender “a sublime ciência de Jesus Cristo” através da leitura assídua da Palavra de Deus, porque o texto sagrado é o alimento da alma e a fonte pura e perene da vida espiritual».

Anúncios

É novo » 30.9.2014

S. Jerónimo: Especialista da Bíblia atento à riqueza das culturas
Toda a vida de Jerónimo se distingue por um amor apaixonado pelas Escrituras, um amor que ele sempre procurou despertar nos fiéis: “Ama a Sagrada Escritura e a sabedoria amar-te-á; ama-a ternamente e ela guardar-te-á; honra-a e receberás as suas carícias. Que ela seja para ti como os teus colares e brincos”

O sim de Maria e a salvação do mundo
Num mundo cultural marcado pela perversão da dialética em instrumento fáustico de posse mental de uma realidade ontologicamente desacreditada e em que, por causa de interpretação errónea quer do papel dialético geral da negação quer da filosofia de Nietzsche, a afirmação do «não» passou a ter primazia, o «sim» da Virgem merece reflexão, breve que seja.

O Evangelho das imagens | IMAGENS |
Aquela gente não o quis receber.

Vida cristã é «luta» contra o mal disfarçado de bem, diz papa
«A luta é uma realidade quotidiana, na vida cristã: no nosso coração, na nossa vida, na nossa família, no nosso povo, na nossa Igreja… Se não se luta, seremos derrotados», afirmou, citado pela Rádio Vaticano.

 

É novo » 26.9.2014

Além da Taprobana! : Bill Viola e “Stop the pounding heart” | VÍDEO |
Tanto Viola como Minervini criam a partir de um substrato crente, de uma tradição de longos séculos e das figuras proeminentes dessa história. Um inspira-se nas grandes figuras da pintura renascimental e da mística medieval (veja-se, por exemplo, Emergence – The Passions baseado na Pietà do pintor florentino Masolino, 1424, onde Viola refigura a Ressurreição de Cristo); o outro inspira-se na Escritura eloquente, para a colocar como fundamento da existência humana. Duas hermenêuticas conjuntivas, uma fundada sobre o liber Corporis, outra sobre o liber Scripturae. Dois modos contemporâneos para falar de e a Deus, de meditar e orar, bem no centro da alta cultura europeia. Bill Viola no Grand Palais de Paris e Stop the Pounding Heart no Festival de Cinema de Cannes!