«Temos demasiado a perder se o projeto europeu descarrilar»: Bispos apelam ao voto, apontam critérios de eleição e lembram efeitos «trágicos» da crise

Os membros da Comissão dos Episcopados da Comunidade Europeia (Comece) publicaram uma nota sobre as eleições para o Parlamento Europeu, marcadas para o próximo domingo em Portugal, em que apelam ao voto e declaram o apoio ao «projeto europeu», ao mesmo tempo que denunciam a situação «trágica» causada pela crise económica em parte significativa da população. «Nós, Bispos Católicos, apelamos a que o projeto europeu não seja posto em risco ou abandonado na presente situação de dificuldades. É essencial que todos nós – políticos, candidatos, todos os interessados – contribuamos de forma construtiva para moldar o futuro da Europa. Temos demasiado a perder se o projeto europeu descarrilar», sublinham os prelados. Por este motivo «é essencial» que os cidadãos europeus compareçam às urnas e o façam «seguindo os ditames de uma consciência informada», critério a que o documento procura responder destacando «questões de relevo», lidas à luz «da doutrina social da Igreja», que são dirigidas «em primeiro lugar» aos católicos, mas também a «todos os homens e mulheres de boa vontade empenhados no êxito do projeto europeu». Continuar a ler…

Anúncios