É novo » 29.5.2013

Que fazemos nós do tempo?
Sabemos que o tempo é a argila da vida. Do incomensurável oceano ao sucinto regato, da minúscula pedra ao elevado rochedo, da planta solitária ao vastíssimo bosque, tudo tem no tempo uma chave indispensável. Também nós somos modelados e lavrados, instante a instante, pelos instrumentos do tempo.

Herberto Helder, “Servidões”: «tudo pronto para que a luz estremeça»

Anúncios