É novo » 22.11.2012

Novo livro da Cáritas Portuguesa recorda obra social e educativa de Teresa de Saldanha
O livro “Teresa de Saldanha: a obra sócio-educativa” vai ser apresentado este sábado, em Lisboa, na casa mãe da congregação das Irmãs Dominicanas de Santa Catarina de Sena, que iniciou em 1868. «Neste trabalho de Helena Ribeiro de Castro o leitor encontra uma pertinente abordagem sobre a personalidade significante de Teresa de Saldanha, reveladora da complexidade e das potencialidades existentes na sociedade portuguesa oitocentista e do início do século XX. Havendo já muitos escritos sobre esta mulher e a sua vida, este é certamente o primeiro estudo em profundidade, e como contributo académico, sobre a sua atividade percecionada na sua dimensão pedagógica, com inegável atualidade e originalidade», refere o prefácio, assinado pelo diretor do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica, texto que oferecemos aos nossos leitores.

A esperança cura, a desesperança adoece-nos
«A esperança cura, enquanto a desesperança adoece-nos», considera o padre José Tolentino Mendonça, em entrevista publicada esta quarta-feira no “Destak”. «Devemos rezar para abrir o coração à vontade de Deus. Rezar para viver bem, em plenitude, todos os momentos da vida, inclusivamente os de contradição, de ferida, de doença, de crise. Rezar para que sejamos capazes de tirar partido desses momentos», diz o diretor do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura. O vice-reitor da Universidade Católica sublinha também que é preciso dar mais tempo ao encontro com outros e com Deus: «O nosso ativismo às vezes é uma barreira na relação. Precisamos de uma pedagogia da audição, de nos escutarmos mais uns aos outros: há demasiada vida calada, vida submersa».

Anúncios